Este site utiliza cookies. Ao navegar no site estará a consentir a sua utilização. Saiba mais sobre o uso de cookies.

Falta uma semana!

GPA2019

O Grande Prémio ABIMOTA, que comemora a 40ª edição, tem partida marcada em Lisboa, na próxima quinta-feira, dia 20 de Junho.

O 40º Grande Prémio ABIMOTA vai ter a participação de 18 equipas, das categorias Elite e Sub-23, que vão disputar quatro etapas, num total de mais de 500 quilómetros, distribuídos da seguinte forma.

  • 1ª Etapa:

A partida vai ser dada no dia 20 de Junho, no Campo Grande, para um contrarrelógio, num circuito que vai até ao Campo Pequeno e regressa à partida, totalizando 7,80 Km´s

  • 2ª etapa:

No dia 21 de Junho e vai ligar Ourém a Mortágua, num total de 170.3Km.

Tem uma Contagem de Montanha, aos 8,65 em Fátima e aos 52,20 Km´s no Zambujal. Metas Volante na Lousã (100,55Kms) e Mortágua (150.60) onde, de seguida tem lugar o final da etapa. Meta Autarquias em Ourém aos 24,6 Kms e Meta Bolinhas em Freixianda aos 44,1 Kms

  • 3ª etapa:

No dia 22 de Junho vai ser disputada a etapa que liga Almeida a Vouzela num total de 185, 3 Kms.

Meta Volante em Vilar Formoso ao Km 15,90. Na Guarda (Km 65,10) vai ter lugar a Meta Autarquias e juntam-se ainda três contagens de Montanha ao KM 36,20 na EN16, no Alto de Castelo Mendo, em Chãs de Tavares (118,80Km´s) e Pindelo de Silgueiros, ao Km 146,20. A Meta Bolinhas está localizada em Mangualde ao KM 124,5. O final da etapa vai acontecer em Vouzela.

  • 4ª etapa

A derradeira etapa disputa-se em 23 de Junho e é conhecida como a etapa das praias. Partida de Anadia e chegada a Águeda, num total de 174,35 Km´s.

Meta Autarquias em Ílhavo ao Km 64,90; Duas Metas Volante em Mira ao Km 27,50 e em Agueda (Km 99,40). São disputadas ainda duas Metas de Montanha, em Sever do Vouga ao Km 136,40 e nas Talhadas ao Km 147,5. Meta Bolinhas em Albergaria-a-Velha ao Km 118,60.

Final na Av. 25 de Abril em Águeda.

Está prevista a participação de 18 equipas: 15 portuguesas e três espanholas. A saber: Rádio Popular/Boavista; Miranda/Mortágua; W52/FC Porto; JORBI/Team José Maria Nicolau; Aviludo/Louletano/Uli; Sporting CP/Tavira; ACDC Trofa/Trofense; JV Perfis/Gondomar Cultural; EFAPEL; UD Oliveirense/INOUTBUILD; Crédito Agrícola/Jorbi/Almodôvar; SICASAL/Constantinos; LA Alumínios/LA Sport; Vito-Feirense-PNB e Fortunna/Maia. De Espanha vêm a Kuota/Construcciones Paulino; Fundación Euskadi e Supermercados Froiz.

Em discussão vão estar oito camisolas:

Camisola Bolinhas - Geral Metas Bolinhas - Patrocinada por Ribeiro Escala

Camisola Xadrez – Geral Meta Autarquias - Patrocinada pela Lechler

Camisola Branca – Geral da Juventude – Patrocinada pelo Turismo do Centro de Portugal

Camisola Encarnada – Melhor Corredor de Equipa de Clube - Patrocinada pela SRAM

Camisola Rosa – Geral de Metas Volantes – Patrocinada Grupo M Rodrigues

Camisola Azul – Geral Meta de Montanha – Patrocinada por Navarra

Camisola Verde – Geral por Pontos – Patrocinada pela Pecol

Camisola Amarela – Geral – Patrocinada pela Miranda

Responsabilidade social

Antes do Contrarrelógio do Campo Grande, que marca o arranque do 40º GP ABIMOTA, vai-se realizar a 4ª Prova da Taça de Portugal em Paraciclismo. 

Desta forma a ABIMOTA contribui para o desenvolvimento do ciclismo adaptado, para cidadãos portadores de deficiência, oferecendo condições de competição excelentes aos praticantes da modalidade.

GPAbimota2018 Arquivo - Chegada GP ABIMOTA 2018

Portugal Bike Value “pretende aumentar a capacidade de exportação de veículos de duas rodas”

Uma missão portuguesa liderada pela ABIMOTA participou no World Cycling Forum, em Roterdão, nos passados dias quatro e cinco de Junho, promovendo a indústria nacional das duas rodas e mobilidade suave.

O World Cycling Forum reúne os principais agentes internacionais da indústria e serviços ligados ao desporto e à mobilidade, com especial enfoque nas duas rodas. Desta vez, Roterdão na Holanda foi a cidade escolhida e a ABIMOTA esteve presente, representado o sector nacional, promovendo a marca Portugal Bike Value, projecto co-financiado pelo Compete 202, no âmbito do programa Portugal 2020.

Segundo o Secretário-Geral da ABIMOTA, Gil Nadais, “o World Cycling Forum é um dos maiores acontecimentos mundiais de equipamentos para desporto genericamente e em concreto na vertente das duas rodas e, por isso, a ABIMOTA não poderia deixar de estar presente e o Portugal Bike Value naturalmente também, porque se se discutem os grandes problemas, temos que acompanhar as tendências, temos que saber por onde é que vão e como tal, faz todo o sentido estar e participar, para podermos transmitir aos nossos associados quais são as alterações, que certamente vão acontecer, quais as linhas de desenvolvimento, para que eles se preparem para o que aí vem.”

Portugal Bike Value esteve em foco, com uma mostra de produtos que espelham o que de bom se faz por cá, apelidada de Portugal Bike Value Fest.  Esta iniciativa só foi possível graças ao apoio das marcas portuguesas, Miranda, Gelu, Bobyke, Rodi, Eleven, Tabor e Esmaltina. Por outro lado o PBV também constou do programa de conferencias do World Cycling Fórum  com a apresentação e discussão do potencial industrial português para aproveitar o mercado emergente da Micromobilidade.

“Estamos aqui para dar continuidade ao que apresentamos, nas linhas de desenvolvimento do Portugal Bike Value. Um dos grandes objectivos é promover a indústria portuguesa, como fornecedora de qualidade, Portugal como um polo de referência para a indústria das duas rodas e da mobilidade suave e também mostrar o que Portugal tem de melhor para oferecer à indústria internacional. A nossa capacidade produtiva é da maior qualidade, é reconhecida e por isso só temos de demonstrar a quem está neste acontecimento aquilo que fazemos, para poderem dar continuidade a aquilo que sido feito até este momento, que é aumentar a nossa capacidade de exportação de veículos de duas rodas.” Rematou o Secretário-Geral da ABIMOTA.

A promoção do World Cycling Forum, está a cargo da WFSGI - World Federation of the Sporting Goods Industry, organismo mundial que reúne os fabricantes e distribuidores de artigos ligados às duas rodas, que é o único organismo oficialmente reconhecido pelo Comité Olímpico Internacional (COI) como representante da indústria dentro da Família Olímpica.

wcf roterdao 2 1 wcf roterdao 2 2 wcf roterdao 3

 

abimotw rodape

GP ABIMOTA na estrada já no dia 20

 GPA2019

A clássica do ciclismo de estrada nacional, que comemora 40 edições, foi apresentada no dia 3 de Junho, Dia Mundial da Bicicleta, no Centro de Artes de Águeda.

O 40º Grande Prémio ABIMOTA vai ter a participação de 18 equipas, das categorias Elite e Sub-23, que vão disputar quatro etapas, num total de quase 550 quilómetros, prevendo-se que esta seja uma das melhores edições de sempre.

JF1 2971 JF2 9845

A abertura do evento foi realizada pelo presidente da Direcção da ABiMOTA, João Miranda, que começou por "agradecer a todos os que vão, sob as mais diversas formas, fazer com que esta festa do ciclismo continue a ser um marco para o panorama velocipédico nacional e afirmação do sector das duas rodas português. Este ano o Grande Prémio ABiMOTA completa 40 edições, é para nós uma data especial e por isso decidimos também assinalá-lo de uma forma especial."

Realçou o trabalho desenvolvido por "muitos que têm como pagamento um muito obrigado", para que o GP ABIMOTA seja o sucesso que é. Fez igualmente menção à exposição que "dá a conhecer alguns objectos e factos que ao longo destes 40 anos têm marcado o Grande Prémio. Assim, com a colaboração da Câmara Municipal de Águeda, vai ficar patente neste Centro de Artes uma exposição." 

João Miranda realçou ainda o conjunto de micro-vídeos "40 anos, 40 histórias" que está a ser publicado nas redes sociais da ABIMOTA e que vai ficar patente no site abimota.pt.

JF1 2849 João Miranda, Presidente da ABIMOTA

O desenolar da prova

Um contrarrelógio, por equipas, vai marcar o arranque desta edição, festiva pelas suas 40 edições, a ser disputado em Lisboa, na zona do Campo Grande, já no próximo dia 20 de Junho.

No dia seguinte – 21 de Junho - o pelotão vai ter a primeira etapa entre Ourém e Mortágua. Dia 22 a partida vai ser dada em Almeida seguindo a caravana até Vouzela. No dia 23, vai disputada uma etapa com partida em Anadia e chegada, que é como quem diz final de festa, em Águeda.

Está prevista a participação de 18 equipas: 15 portuguesas e três espanholas. A saber: Rádio Popular/Boavista; Miranda/Mortágua; W52/FC Porto; JORBI/Team José Maria Nicolau; Aviludo/Louletano/Uli; Sporting CP/Tavira; ACDC Trofa/Trofense; JV Perfis/Gondomar Cultural; EFAPEL; UD Oliveirense/INOUTBUILD; Crédito Agrícola/Jorbi/Almodôvar; SICASAL/Constantinos; LA Alumínios/LA Sport; Vito-Feirense-PNB e Fortunna/Maia. De Espanha vêm a Kuota/Construcciones Paulino; Baque Team e Supermercados Froiz.

O Director de Prova, Vital Almeida, começou por realçar o “espirito de família de todos quanto participam no GP ABIMOTA, pois é deste esprito que gostamos e isso para nós é o mais importante. Portanto, a todo quantos fazem parte desta família: o meu muito obrigado.”

Vital Almeida realçou ainda que “vamos colaborar com a Taça de Portugal de para-ciclismo. É uma forma de podermos apoiar atletas que de outra maneira não teriam forma de competir. A taça vai acontecer em Lisboa, no mesmo percurso em que vai ser disputado o contrarrelógio que marca o arranque do 40º GP ABIMOTA.”

JF1 2935 Vital Almeida, Director de Prova

Seguiu-se a descrição das quatro Etapas:

  • 1ª Etapa:

A partida vai ser dada no dia 20 de Junho, no Campo Grande, para um contrarrelógio, num circuito que vai até ao Campo Pequeno e regressa à partida, totalizando 4,00 Km´s

  • 2ª etapa:

No dia 21 de Junho e vai ligar Ourém a Mortágua, num total de 170.3Km .

Tem uma Contagem de Montanha, aos 8,65 em Fátima e aos 52,20 Km´s no Zambujal. Metas Volante na Lousã (100,55Kms) e Mortágua (150.60) onde de seguida tem lugar o final da etapa.

  • 3ª etapa:

No dia 22 de Junho vai ser disputada a etapa que liga Almeida a Vouzela num total de 185, 3 Kms.

Meta Volante em Vilar Formoso ao Km 15,90. Na Guarda (Km 65,10) vai ter lugar a Meta Autarquias e juntam-se ainda três contagens de Montanha ao KM 36,20 na EN16, em Chãs de Tavares (118,80Km´s) e Pindelo de Silgueiros, ao Km 146,20. O final da etapa vai acontecer em Vouzela.

  • 4ª etapa

A derradeira etapa disputa-se em 23 de Junho e é conhecida como a etapa das praias. Partida de Anadia e chegada a Águeda, num total de 174,35 Km´s.

Meta Autarquias em Ílhavo ao Km 64,90; Duas Metas Volante em Mira ao Km 27,50 e em Agueda (Km 94,40). São disputadas ainda duas Metas de Montanha, em Sever do Vouga ao Km 136,40 e nas Talhadas ao Km 147,5. Meta Bolinhas em Albergaria-a-Velha ao Km 118,60.

Final na Av. 25 de Abril em Águeda.

  • Camisolas que vão ser disputadas:

Camisola Bolinhas - Geral Metas Bolinhas - Patrocinada por Ribeiro Escala

Camisola Xadrez – Geral Meta Autarquias - Patrocinada pela Lechler

Camisola Branca – Geral da Juventude – Patrocinada pelo Turismo do Centro de Portugal

Camisola Encarnada – Melhor Corredor de Equipa de Clube - Patrocinada pela SRAM

Camisola Rosa – Geral de Metas Volantes – Patrocinada Grupo M Rodrigues

Camisola Azul – Geral Meta de Montanha – Patrocinada por Navarra

Camisola Verde – Geral por Pontos – Patrocinada pela Pecol

Camisola Amarela – Geral – Patrocinada pela Miranda

Delmino Pereira, em representação da Federação Portuguesa de Ciclismo, realçou a importância da data da apresentação, pois três de Junho é o Dia Mundial da Bicicleta. “Há ainda muitos jovens que não sabem andar de bicicleta e é muito importante que a aprendizagem e a formação seja uma realidade.” Encerrou com uma nota de parabéns ao GP ABIMOTA e à sua organização, a ABIMOTA.

JF1 2997 Delmino Pereira, Presidente da FPC

Homenagem a Alves Barbosa

Durante a apresentação foi realizada uma homenagem a Alves Barbosa. Gil Nadais, Secretário-Geral da ABIMOTA, usou da palavra, tendo realçado que “falar de Alves Barbosa é contar a história do ciclismo Português. O atleta, o homem, a figura incontornável, com um elemento comum em todas as suas dimensões: Respeito. O respeito que conquistou, junto dos companheiros de equipa, o respeito que os adversários lhe tinham, o respeito que mereceu junto de atletas, dirigentes, o respeito com que sempre tratou todos e que sempre de todos mereceu.”

Juntaram-se à cerimónia, o Presidente da ABIMOTA, João Miranda e um dos fundadores do GP ABIMOTA, Júlio Dinis Saraiva, que entregaram uma camisola amarela, com o nome da Alves Barbosa, à viúva, Dr.ª Rosa Barbosa.

JF1 2908

Exposição 40 Anos GP ABIMOTA

Está patente na Galeria do Centro de Artes de Águeda a exposição que recorda alguns dos melhores momentos do ciclismo nacional.

Bicicletas de ontem e de hoje, troféus, camisolas, em suma, um conjunto de memórias inestimáveis para a história do ciclismo, com especial destaque para o GP ABIMOTA, foi inaugurada logo após a apresentação da prova.

Para recordar as 40 melhores histórias do GP ABIMOTA, sugerimos a visita a: https://www.facebook.com/pg/gpabimota/videos

JF1 3017 

A exposição está patente na Galeria do Centro de Artes de Águeda, na Rua Joaquim Valente Almeida, nº 30 3750-154 Águeda.

Portugal Bike Value no World Cycling Forum

A ABIMOTA vai deslocar-se a Roterdão, cidade que vai acolher o principal fórum mundial ligado à bicicleta, em quatro e cinco de Junho.

O World Cycling Forum vai reunir os principais agentes internacionais da indústria e serviços ligados às duas rodas, desta vez em Roterdão na Holanda e a ABIMOTA vai estar mais uma vez presente, representado o sector nacional, promovendo o Portugal Bike Value, projecto co-financiado pelo Portugal 2020.

A promoção do World Cycling Forum, está a cargo da WFSGI - World Federation of the Sporting Goods Industry, organismo mundial que reúne os fabricantes e distribuidores de artigos ligados às duas rodas e o único organismo oficialmente reconhecido pelo Comitê Olímpico Internacional (COI) como representante da indústria dentro da Família Olímpica.

A WFSGI é uma associação independente, sem fins lucrativos, formada por marcas ligadas ao desporto e lazer, fabricantes, fornecedores, federações, associações industriais e comerciais e todos os negócios relacionados à indústria de artigos ligados às duas rodas.

A ABIMOTA mais uma vez lidera uma missão, em que os objectivos são comuns aos de missões prévias, pretendendo reforçar a posição de Portugal pela qualidade dos produtos que fabrica, encontrar novos mercados para a indústria das duas rodas portuguesa e captar novos actores para o mercado nacional.

A estratégia delineada pelos projectos Portugal Bike Value, Mobilidade Suave I e II passa por quatro pontos fundamentais:

Reforçar a imagem de Portugal como fornecedor de produto e capacidade produtiva.

Aumentar o reconhecimento da sofisticação e inovação do sector nacional.

Reforçar as vantagens de Portugal como destino de investimento em novas unidades de produção para as marcas de renome internacional. 

Afirmar Portugal no panorama da produção internacional de elevada qualidade.

Estes pontos reforçam a importância da presença portuguesa neste fórum mundial.

“Com a presente deslocação a este evento, o maior fórum mundial do sector Portugal tem voz junto dos principais actores e assim pretendemos reforçar a posição Portuguesa.” Refere Gil Nadais, Secretário-Geral da ABIMOTA.

Este evento vai poder ser acompanhado em:  https://www.facebook.com/Abimota01/

IMG 4310 Arquivo  

abimotw rodape

Portugal Bike Value na China

Uma missão integrada no programa Portugal Bike Value II, co-financiado pelo Portugal 2020, está a participar no Chine Cycle Show, em Xangai, de seis a nove de Maio.

A ABIMOTA mais uma vez lidera uma missão, em que os objectivos são comuns aos de missões prévias, pretendendo reforçar a posição de Portugal pela qualidade dos produtos que fabrica, encontrar novos mercados para a indústria das duas rodas portuguesa e captar novos actores para o mercado nacional.

A estratégia delineada pelos projectos Portugal Bike Value, Mobilidade Suave I e II passa por quatro pontos fundamentais:

  • Reforçar a imagem de Portugal como fornecedor de produto e capacidade produtiva.
  • Aumentar o reconhecimento da sofisticação e inovação do sector nacional.
  • Reforçar as vantagens de Portugal como destino de investimento em novas unidades de produção para as marcas de renome internacional. 
  • Afirmar Portugal no panorama da produção internacional de elevada qualidade.

Estas pontos reforçam a importância da presença portuguesa no evento chinês, “pois Xangai está durante os próximos dias no epicentro do maior mercado do mundo, um mercado fundamental para as duas rodas são e é em Xangai que se encontram os principais fabricantes, compradores e distribuidores, da área das duas rodas e mobilidade suave, a nível global.” Remata Gil Nadais, Secretário-Geral da ABIMOTA.

gilnadais Gil Nadais, Secretário-geral da ABIMOTA (foto: arquivo)

Um evento a acompanhar em: https://www.facebook.com/Abimota01/

abimotw rodape